Especial Coronavírus

Como não confundir uma crise alérgica típica de inverno com a Covid-19?

12 de agosto, 2021

Com o surgimento das variantes do coronavírus, está cada vez mais difícil distinguir os sintomas de certas alergia e os da Covid

O inverno pode desencadear ou agravar crises alérgicas, que, por sua vez, podem causar desconfortos no nariz e na garganta. Em tempos de pandemia, é natural que o paciente se pergunte se está com Covid-19. O Saúde da Saúde conversou sobre o assunto com a otorrinolaringologista Renata Vecentin Becker, do Hospital IPO, de Curitiba. Atualmente, essa confusão faz mesmo sentido.

Saúde da Saúde – Quais são as alergias que costumam ter crises desencadeadas no inverno?
Renata Becker – Alergias respiratórias relacionadas a ácaros (poeira) e fungos (bolor, mofo) são as mais comuns.

Por que isso acontece?
Com o inverno, os ambientes ficam mais fechados e há maior proliferação de ácaros e fungos nos ambientes. Além da rinite alérgica, nessa época do ano, sofremos com a rinite não alérgica ou vasomotora, que causa sintomas devido à irritação da mucosa nasal, ocasionada por agentes como mudança de temperatura, cheiros fortes ou tempo seco.

Quais são os sintomas típicos dessas alergias?
Congestão nasal, espirros, coriza, tosse seca, ressecamento nasal, que muitas vezes, podem evoluir para infecções em ouvido, nariz, garganta e pulmões.

Como diferenciar esses sintomas de alergia dos da Covid-19?
Atualmente, com o aparecimento de novas variantes, está cada vez mais difícil diferenciar um quadro de rinite e Covid. Nesses casos, além de conversarmos sobre a exposição do paciente, solicitamos o isolamento social e pedimos o exame de PCR ou antígeno viral a partir do terceiro dia de sintomas para descartar infecção pelo coronavírus.

Uma pessoa que tem rinite, por exemplo, e tem sofrido com coriza e incômodo na garganta deve fazer exame de Covid-19, por via das dúvidas?
Com certeza!

Como prevenir crises alérgicas no inverno?
Manter os ambientes bem ventilados, aumentar a ingestão de água, manter dieta saudável e umidificar as narinas com uso de soro fisiológico 0,9% frequentemente.

E como tratá-las?
O tratamento deve ser individualizado. Além da lavagem nasal com soro, alguns pacientes se beneficiarão do uso de determinados medicamentos. Para a melhor escolha, o seu médico de confiança deve ser consultado.