Medicina

Quanto custa o plano de saúde na renda dos brasileiros?

15 de junho, 2022

Quem paga plano de saúde sabe que é preciso planejamento financeiro para dar conta dessa despesa importante. Mas você saberia dizer quanto do orçamento do brasileiro é destinado à assistência em saúde?

Em uma pesquisa realizada em abril deste ano pelo PoderData a pedido da Associação Nacional de Hospitais Privados (Anahp), 73% dos usuários dos convênios afirmaram gastar pelo menos 30% de sua renda mensal para despesas de saúde.

Entre os usuários de planos individuais e familiares, a previsão é de que essa despesa aumente ainda mais, já que a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) aprovou um reajuste de 15,5% nessas categorias – o maior da série histórica.

“A saúde suplementar [planos de saúde] está com o seu futuro rigorosamente amarrado ao futuro do Brasil, em termos de economia, emprego e renda. O que pode acontecer? É o que acontece durante as crises econômicas, em que, diminuindo emprego e renda, há redução imediata de pessoas com plano de saúde”, pondera Antônio Britto, diretor-executivo da Anahp, sobre a relação entre o contexto econômico e o acesso aos planos.

A pesquisa da Anahp mostrou ainda que mais da metade dos entrevistados (53%) que utilizaram seu plano nos últimos 12 meses disse estar satisfeita com os serviços, avaliando-os como “ótimo ou bom”. O maior índice de aprovação está entre as mulheres, com 60% das respostas positivas. Em relação à análise por regiões, as melhores avaliações vêm do Norte do país, com índices de “ótimo ou bom” para 64% dos usuários.

Em relação à renda, as avaliações mais positivas encontram-se em duas (distantes) pontas: 80% dos desempregados/sem renda fixa e 70% entre os que ganham acima de 10 salários mínimos. Nos grupos intermediários, o resultado fica em 49% (até 2 salários mínimos), 41% (entre 2 e 5 salários) e 55% (entre 5 e 10 salários mínimos). Observa-se também, sobre a escolaridade, que o maior índice de aprovação está entre os entrevistados com nível superior (56%), seguidos dos ensinos médio (545) e fundamental (21%).

Como foi feita a pesquisa

A pesquisa “O que pensam os brasileiros sobre a saúde no Brasil?” contempla a opinião de 3.056 pessoas acima de 16 anos, localizadas em 388 municípios nas 27 unidades da Federação – 83% usuários do SUS e 17%, da saúde suplementar (mesmos percentuais do universo pesquisado).

Os entrevistados responderam questões sobre a qualidade da Saúde no Brasil e o que deve ser prioridade na área para os próximos governantes. Confira todos os resultados aqui.